Um estudo do National Financial Educators Council dos EUA refere que, em média, 39% dos colaboradores de cada empresa americana desperdiçam, pelo menos, 3h semanais preocupados com as suas dificuldades financeiras pessoais.
Agora acompanhe-me neste exemplo, para uma empresa com 100 colaboradores:
Se cada um destes colaboradores custar à empresa 25€/h (valor completamente normal
considerando os custos totais do colaborador para a empresa), então:
. 3h semanais * 25€ = 75€ / semana
. 75 € * 52 semanas = 3.900€
. 3.900€ * 100 * 39% = 152.100€
Ou seja, neste exemplo, a empresa tem um custo anual de 152.100€ provocado pela falta de produtividade dos seus colaboradores devido a preocupações relacionadas com as suas finanças pessoais.
E repare que o estudo diz “pelo menos 3h semanais”, o que significa que, na realidade, o valor será provavelmente bem superior a este.
Se é empresário e tem colaboradores a seu cargo, pense nisto. Ajudar os seus colaboradores com as suas finanças pessoais, não é só um ato de compromisso para com o seu bem estar. É também um ato de boa gestão empresarial.
Luís Lourenço
Headmaster at Your Money Watcher

Your Money Watcher